Secretarias e Órgãos

Telefones úteis

Redes Sociais

voltar imprimir
Aumentar texto Diminuir texto
Nove pessoas são capturadas pela Polícia Militar em ação na AIS 07 de Fortaleza
Qua, 06 de Dezembro de 2017 08:24

Equipes da Polícia Militar do Estado do Ceará (PMCE) foram acionadas, nessa segunda-feira (04), para duas ocorrências no bairro Edson Queiroz, que resultaram na captura de um grupo de nove pessoas, que estavam em um veículo, e nas apreensões de duas armas de fogo. Foram empregadas equipes policiais das Áreas Integrada de Segurança 03 e 07 (AIS 03 e 07). Todo o procedimento foi encaminhado para a Delegacia da Criança e do Adolescente (DCA), em razão de envolver menores de idade.

O fato iniciou durante um patrulhamento ostensivo pela Avenida Paisagística, quando uma composição da Polícia Militar se deparou com três indivíduos encapuzados, que efetuaram disparos de arma de fogo. Houve revide dos profissionais de segurança, vindo um deles a ser lesionado. Já os demais empreenderam fuga. O suspeito baleado, que estava sem identificação, foi socorrido para o Instituto Dr. José Frota (IJF), onde veio a óbito. Com ele, foi apreendido um revólver calibre 38 e uma balaclava.

Uma segunda viatura da Força Tática, que havia sido acionada para dar apoio à ocorrência de troca de tiros, se deparou com um veículo Gol de cor prata, onde estavam nove pessoas em seu interior. Um fato chamou atenção dos policiais, pois os pneus do carro estavam muito baixo, aparentando levar algo acima do peso permitido. Foi dada ordem de parada, mas os suspeitos não obedeceram. Ao chegar na Rua Ibaitaba, ainda no bairro Edson Queiroz, o veículo parou e um dos ocupantes arremessou um revólver calibre 38, com seis munições, pela janela do carro. No momento da abordagem, os indivíduos ainda tentaram correr, mas todos foram contidos.

Foram presos: Clarisse Paiva Firmino (19) – com passagem pela Polícia por crime contra a administração pública; Gleylson Araujo Firmino (35) - com passagens por tráfico de drogas, ameaça e posse ilegal de arma de fogo; Alessandro Cavalcante da Silva (24) – conhecido por “Lek”, com passagens por roubo de veículo e a residência, com restrição de liberdade da vítima e receptação; Rodrigo Barbosa da Silva (20); Johnatan Albuquerque dos Santos Amaral (18) e Joselana Benício de Araújo (18). Estes três últimos não possuíam antecedentes criminais.

Com eles, estavam três adolescentes, que também foram apreendidos em posse de 14 trouxinhas de maconha. Dois dos menores estavam com mandado de apreensão em aberto e ambos respondiam a doze atos infracionais pelos crimes de homicídio, posse ilegal de arma de fogo, tráfico de drogas, tentativa de roubo, lesão corporal dolosa e crime contra a administração pública. Após verificar a identificação de todos, as equipes policiais constataram que Alessandro possuía um mandado de prisão em aberto. Em depoimento, ele informou que seu nome era Geilson Rodrigues da Silva. Contudo, a foto que constava no Sistema de Informações Policiais (SIP) não condizia com a aparência de Alessandro, que decidiu revelar sua verdadeira identidade, posteriormente.

Todos foram conduzidos a sede da DCA, onde responderão pelos crimes de tráfico de drogas, porte ilegal de arma de fogo e receptação. Além disso, os maiores também foram indiciados por corrupção de menor.


Fonte: SSPDS

 

Calendário

Janeiro 2018
D 2a 3a 4a 5a 6a S
31 1 2 3 4 5 6
7 8 9 10 11 12 13
14 15 16 17 18 19 20
21 22 23 24 25 26 27
28 29 30 31 1 2 3