Secretarias e Órgãos

Telefones úteis

Redes Sociais

voltar imprimir
Aumentar texto Diminuir texto
Trio envolvido em tentativa de resgate em delegacia é preso após ação rápida da Polícia
Seg, 30 de Janeiro de 2017 18:03


Uma ação rápida das Polícias Civil e Militar resultou na prisão de três pessoas envolvidas na tentativa de resgate, ocorrida no 20° Distrito Policial, no bairro Acaracuzinho, no município de Maracanaú – Área Integrada de Segurança 08 (AIS 08) –, nesse domingo (29). Durante o fato, houve uma troca de tiros, que resultou em um policial civil e um suspeito lesionado, por disparos de arma de fogo. O agente de segurança foi socorrido para uma unidade de saúde da região, e em seguida, foi transferido por uma aeronave da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer), para o Instituto Dr. José Frota (IJF), em Fortaleza. Por meio de diligências, duas mulheres, e o pai do preso, que era o alvo do resgate, foram capturados no bairro Granja Portugal – (AIS 02) –, ainda na manhã de ontem. Além disso, outros dois envolvidos também foram identificados.

Conforme apurações realizadas por meios das imagens de câmeras de segurança da unidade, os policiais chegaram a Brenda Alencar Maciel (22) – com antecedente criminal por latrocínio. A suspeita, que está grávida de nove meses, é companheira de Francisco Wellington Carvalho de Oliveira (18) – com antecedentes criminal por roubo - que estava custodiado no 20º DP. Com ela, a Polícia prendeu também Claudiane de Freitas Silva (27) – sem antecedentes. Esta última foi identificada como a irmã de Ewerton de Freitas Silva (17) – que já respondia criminalmente por tráfico de drogas e roubo -, que foi encontrado em óbito, no interior do veículo utilizado pelos infratores, no bairro Canindezinho (AIS 02). O suspeito havia sido lesionado durante a troca de tiros ocorrida com os inspetores, e mesmo ferido, ele conseguiu empreender fuga com os demais.

Com os levantamentos, a Polícia chegou também ao pai de Francisco Welligton, sendo este identificado por José Ednilton Silva de Oliveira (38) – sem antecedentes. O homem é suspeito de ser conivente com a ação delituosa. Todos os envolvidos foram conduzidos para a Delegacia Metropolitana de Maracanaú, onde foram autuados em flagrante por tentativa de homicídio, associação criminosa, favorecimento de fuga de presos e também por corrupção de menor. Francisco Wellington também foi indiciado, em inquérito policial, pelos crimes. As investigações do caso serão transferidas para a Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), que manterá o trabalho policial, no intuito de capturar os outros partícipes da ação criminosa.  


Fonte: SSPDS

 

Calendário

Novembro 2017
D 2a 3a 4a 5a 6a S
29 30 31 1 2 3 4
5 6 7 8 9 10 11
12 13 14 15 16 17 18
19 20 21 22 23 24 25
26 27 28 29 30 1 2