Secretarias e Órgãos

Telefones úteis

Redes Sociais

voltar imprimir
Aumentar texto Diminuir texto
BPMA realiza operação e apreende 24 armas de fogo nas regiões Centro Sul e Vale do Jaguaribe
Seg, 31 de Outubro de 2016 18:50


Vinte e quatro armas de fogo e mais de 200 cartuchos foram apreendidos e centenas de pássaros silvestres resgatados. Este é o resultado de uma operação efetuada pela Polícia Militar do Estado do Ceará (PMCE), por meio de militares do Batalhão de Polícia de Meio Ambiente (BPMA). A ação policial, finalizada nesta segunda-feira (31), se desenvolveu durante cinco dias em cidades situadas nas Áreas Integradas de Segurança 10 e 16 (AIS 10 e 16) – nas regiões Centro Sul e Vale do Jaguaribe.

Os trabalhos policiais se encerraram no início desta tarde (31), com a apreensão de um revólver calibre 38, uma espingarda calibre 32 e 123 litros de gasolina, em um imóvel situado no Distrito de Pedrinhas, zona rural da cidade deIcó – AIS 16. Os demais flagrantes que ocorreram nos últimos quatro dias se desenvolveram nas cidades de Pereiro, Iracema, Alto Santo, na AIS 10, e ainda em Icó. Nove pessoas, todas sem antecedentes criminais, foram presas por crimes previstos no Estatuto do Desarmamento e na Lei dos Crimes Ambientais. Uma delas também foi autuada por venda ilegal de cigarros. Os casos foram registrados nas delegacias regionais de Jaguaribe e Icó – plantonistas das áreas.

Três diligências se deram, nesse domingo (30), nos municípios de Alto Santo e Iracema, onde cinco espingardas, sendo duas de calibre 28 e 32 e três de calibre 36, foram apreendidas. Além do armamento, os militares localizaram alguns pássaros, peles de animais abatidos e vários cartuchos e materiais para recarga de munição. Dois desses flagrantes resultaram nas prisões de Francisco José da Silva (26) e Francisco Alyffler Bezerra Goiana (22), autuados por posse ilegal de arma de fogo e por manter animais silvestres em cativeiro.

Outra arma – uma espingarda calibre 12 –, 129 carteiras de cigarro de origem paraguaia, caixas de remédios e 36 cartuchos foram encontrados em um mercantil, que também funciona como frigorífico,localizado no município de Iracema. A ação policial se deu no último dia (29), e o proprietário do estabelecimento, identificado como José Leandro Almeida Magalhães (40), foi preso e autuado por porte ilegal de arma de fogo – por modificar arma –, por posse ilegal de munição, por vender medicamento de procedência ignorada e sem registro do órgão de vigilância sanitária competente, por importar ou exportar mercadoria proibida epor manter animais silvestres em cativeiro.

Dando continuidade às ações do sábado, ainda em Iracema e na cidade de Pereiro, mais cinco espingardas foram localizadas em quatro endereços e dois homens foram presos pela posse do armamento. Os capturados, identificados como Luís Bezerrada Silva (60) e Geudecir Moreira de Carvalho (44), foram presos pela posse de três espingardas calibres 32, 28 e 36 e também por manterem aves silvestres em cativeiro. As outras, de calibre12 e 40, e alguns cartuchos foram localizados sem os seus respectivos donos.

Já na última sexta-feira (28), seis armas (quatro espingardas, sendo duas de calibre 32, uma de calibre 36, outra de fabricação artesanal e dois revólveres calibres 32 e 38) foram localizadas em Pereiro. Um dos revólveres, 14 cartuchos e várias gaiolas com pássaros estavam com Antônio Lindomar de França (36), na zona rural da cidade. A espingarda de fabricação artesanal e cartuchos de calibres 12 e 32 estavam em poder de Claudiano Paulino da Silva (40), que tentou resistir à prisão, mas foi interceptado. As demais armas e 42 cartuchos foram apreendidos durante fiscalização de combate à caça, na Serra da Grota.

“Nosso intuito é conscientizar as pessoas sobre a importância de se preservara fauna silvestre e o meio ambiente”, declara o subtenente Paulo Yrtonny, lotado na 4ª Companhia do BPMA, sobre as ações realizadas pelo batalhão, que objetivam inibir a prática de crimes ambientais, bem como libertar animais silvestres que estejam em cativeiro. A operação se iniciou na última quinta-feira (27), quando cinco armas de fogo, cerca de 36 litros de combustível e pássaros foram apreendidos em três diligências ocorridas na cidade de Icó – AIS 16. Além do material apreendido, dois homens foram presos pela posse do armamento e por manter os animais em cativeiro.

Os capturados foram autuados em flagrante por posse ilegal de arma de fogo, com base no artigo 12 do Estatuto do Desarmamento, e por manter os animais silvestres em cativeiro, com base no artigo 29 da Lei dos Crimes Ambientais. As aves foram encaminhadas para o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), com sede em Iguatu. Para o subtenente Yrtonny, a operação vai contribuir para a diminuição da caça predatória na região.



Denuncie

Caso a população tenha informações sobre pessoas que mantenham animais silvestres em cativeiro, que pratiquem a caça ilegal ou possuam arma de fogo sem devida autorização, denúncias podem ser feitas para a Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops), pelo número 190, ou para o Batalhão que fica na cidade de Juazeiro do Norte, pelo número (88) 3102-1126. O sigilo é garantido.


 

Calendário

Novembro 2017
D 2a 3a 4a 5a 6a S
29 30 31 1 2 3 4
5 6 7 8 9 10 11
12 13 14 15 16 17 18
19 20 21 22 23 24 25
26 27 28 29 30 1 2