Secretarias e Órgãos

Telefones úteis

Redes Sociais

voltar imprimir
Aumentar texto Diminuir texto
Oficiais da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros participam de Cursos de Aperfeiçoamento Profissional
Seg, 05 de Setembro de 2016 18:13
Com o intuito de qualificar o quadro de oficiais da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros Militar do Ceará e habilitá-los para a ascensão funcional, a Academia Estadual de Segurança Pública do Ceará (AESP/CE) iniciou, nesta segunda-feira (05), o Curso Superior de Segurança Pública (CSSP PM), o Curso de Aperfeiçoamento de Oficiais do Quadro de Combatentes (CAO QOPM) e o Curso de Aperfeiçoamento de Oficiais do Quadro Administrativo (CAO QOA PM/BM).

A aula inaugural foi marcada pela palestra “Atenção à mulher em situação de violência”, ministrada pela professora doutora Augediva Maria Jucá Pordeus, do Núcleo de Vigilância Epidemiológica da Secretaria de Saúde do Estado do Ceará, que apresentou os dados e estatísticas sobre violência contra as mulheres nos estados brasileiros, tipologia da violência e as diretrizes para o atendimento às mulheres vítimas de violência. Segundo a professora é fundamental que os profissionais de segurança pública saibam quais são os hospitais e outros locais que oferecem serviços de referência no atendimento à mulher vítima de violência no Estado do Ceará e que estejam preparados para atender esse tipo de ocorrência, já que esta é uma situação que exige um atendimento humanizado e multiprofissional.

No Curso Superior de Segurança Pública (CSSP PM), os oficiais superiores da Polícia Militar do Ceará serão habilitados para ascenderem ao posto de coronel, exercendo atividades em nível de comando, chefia, coordenação e assessoria da corporação. Já os cursos de aperfeiçoamento de oficiais – CAO QOPM e CAO QOA PM e BM - tem por finalidade aprimorar os conhecimentos dos capitães da PMCE e do CBMCE, habilitando-os para o exercício das atividades no oficialato superior de suas instituições.

O Comandante Geral da Polícia Militar do Ceará, Coronel Geovani Pinheiro ressaltou o papel das capacitações para o desenvolvimento das competências e habilidades necessárias para o aperfeiçoamento dos militares. “Para nós militares termos as nossas ascensões, nós precisamos passar por alguns cursos e cada curso de ascensão funcional capacita o oficial a uma função em nível tático ou em nível estratégico. Ao iniciarmos nossa carreira de oficial, nós saímos bem preparados para tratar a questão operacional, quando nós chegamos ao posto de capitão para ascender ao posto de major, nós saímos de um nível operacional e acessamos ao nível tático e o Curso Superior de Polícia  proporciona a chegada ao Estado Maior da instituição, ou seja, trabalhar a questão estratégica da corporação”. O coronel comandante destacou a importância deste momento de ascensão profissional para as tropas. “A promoção é uma realização pessoal e institucional, é um crescimento dentro da carreira. Nós, militares estaduais, temos a promoção como algo muito importante, porque ela já faz parte da gênese do curso. Hoje nós temos aqui oficiais superiores fazendo o CSSP, oficiais intermediários fazendo CAO, e isso é uma realização, é uma grande vitória, graças à compreensão, ao bom senso e à humildade do Governador do Estado”, pontuou.

Os cursos têm uma carga horária de 500 horas/aula para os oficiais do CSSP, 378 horas/ aula para o CAO QOPM e 216 horas/aula para o CAO QOPM/BM, e tem previsão de término em dezembro deste ano. Ao todo, 95 policiais e 23 bombeiros participam do ciclo de capacitação. Após a conclusão do curso, os profissionais aprovados, já estarão habilitados a ascender profissionalmente, beneficiando-se da nova Lei das promoções.


Fonte: AESP

 

Calendário

Novembro 2017
D 2a 3a 4a 5a 6a S
29 30 31 1 2 3 4
5 6 7 8 9 10 11
12 13 14 15 16 17 18
19 20 21 22 23 24 25
26 27 28 29 30 1 2